Cachorro doador de sangue

Você sabia que, assim como nós humanos, uma transfusão de sangue pode salvar a vida de um cachorro? Pode parecer estranho, mas é exatamente isso que acontece e, assim como os bancos de sangue para humanos, os caninos também sofrem com a falta de doadores.

Logo Banco de Sangue

Com o objetivo de ajudar no tratamento de animais com doenças infecciosas, atropelamentos, intoxicações, câncer, doenças transmitidas pelo carrapato, cirurgias, problemas metabólicos, entre outros, a Universidade Anhembi Morumbi, montou um banco de sangue veterinário em seu Hospital, o HOVET, que deve contemplar os 13 tipos sanguíneos diferentes entre os caninos, catalogados pela Medicina Veterinária.

Cachorro doando sangue

Banco de Sangue para Cães

Para os donos de cães que desejam contribuir, algumas informações são importantes. O cão deve ser tranquilo, ter entre 1 e 8 anos, pesar no mínimo 25 kg e ter a carteira de vacinação em dia.

Os interessados devem levar seus cães para coletar uma amostra do sangue, que será avaliada por mais de 15 exames diferentes para pesquisar possíveis doenças que possam ser transmitidas para o cão receptor. Tudo isso sem custo para o proprietário do doador. Se liberado para a doação, o animal pode doar sangue a cada dois meses.

O procedimento não causa dor ou qualquer mal-estar no cão doador e uma única bolsa pode ajudar a salvar a vida de até três cães.

Cão deitado em maca doando uma bolsa de sangue. Doação de Sangue Animal.

Banco de Sangue para Gatos

O HOVET está estruturando também um Banco de Sangue para a doação de sangue de gatos. O procedimento para a doação é semelhante ao do cão.

Serviço
Hospital Veterinário Anhembi Morumbi

Local: Rua Conselheiro Lafaiette, 64 – Brás
Atendimento: de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h
Agendamento: pelos telefones 2790-4642/ 2790-4643
E-mail: hospvet@anhembi.br